quinta-feira, 1 de setembro de 2011



"Por fim, imite a lagarta, quebre as algemas do Mal, este casulo empobrecedor, para se tornar uma borboleta azul e bela planando por sobre as flores à procura do néctar para sua sobrevivência. E onde você estiver, em que condições sociais sua família viver, o maná divino estará disponível para te alimentar e sustentar na jornada."

Eu quero ser capaz criar primavera em minha alma depois de qualquer tempestade, para as borboletas azuis pousarem no meu jardim.

Denise Portes





p.s.: Denise leu minha alma!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...